An accessible version of this website containing similar content may be found at: page.php?ctx=2,2,66

16 formas de ajudar

1. Traga o seu cão para dentro de casa!
Os cães aborrecem-se e sentem-se sós quando deixados sozinhos num espaço pequeno dia após dia, mês após mês, ano após ano. Os cães são animais sociais, que vivem em matilha no seu estado natural, e por isso são felizes dentro de casa com a sua “matilha”, a sua família humana. Para que o seu cão se comporte bem dentro de casa, leia os truques sobre treino e modificação de comportamento que seguem abaixo. Os cães de interior tornam-se nos melhores cães de guarda.

2. Construa uma vedação à volta da sua propriedade.

As vedações permitem aos cães movimentar-se livremente e não têm de ser muito caras, desde que esteja disposto a ter um pouco de trabalho. Para construir uma vedação de baixo custo, basta enterrar postes de madeira ou postes metálicos em T e fixar-lhes a vedação. Pode também indagar junto de companhias que fabriquem vedações, em particular vedações comerciais, se estas não têm materiais de sobra que possam doar.

3. Construa um sistema de trela com cabo e roldana se não puder construir uma vedação.
Este sistema é barato e dará ao cão muito mais liberdade de movimentes do que uma corrente.



 

4. Se o seu cão consegue fugir apesar da vedação, siga estas sugestões:
• Se o seu cão consegue saltar sobre uma vedação baixa, torne-a mais alta, utilizando para isso os postes metálicos em T e colocando malha para vedação na metade superior destes. Também pode adquirir vedação de cana ou de bambu, que é bastante económica e vende-se em rolos de 1,80 m. Ligue a vedação de bambu à vedação já existente. É difícil para um cão saltar sobre uma superfície lisa.

• Instale uma vedação eléctrica. Nas lojas de animais assim como nas de bricolage pode comprar kits de vedação eléctrica tanto para recintos vedados como não vedados. Algumas vedações aplicam-se sobre outras já existentes, enquanto outras são enterradas no solo.

• Instale um “fio eléctrico” na parte superior da sua vedação. Para tal consulte uma loja de ferragens ou de equipamentos para quintas. Estes fios são normalmente utilizados para conter vacas e cavalos. Também intimidam os assaltantes.

• Se o seu cão escapa por buracos que escava por baixo da vedação, enterre rede de capoeira a uma profundidade de 30 cm em relação ao ponto de encontro entre a vedação e o solo (dobrando para dentro as pontas). Pode também escavar um fosso sob a vedação e enche-lo com cimento (ao longo de toda a cerca ou apenas nos “locais problemáticos”).

5. Compre um cabo leve de 4,5 m, 6 m ou 9 m se não for possível optar por uma vedação ou um cabo próprio com roldana. Ligue o cabo a uma estaca forte que possa enroscar e fixar bem ao solo. Coloque a estaca num local central para que o cão se possa mover em todas as direcções.

6. A esterilização do cão/cadela também o irá tornar mais calmo e ter menos tendência a fugir.
Um animal esterilizado não irá fugir na época de cio em busca de outro animal para acasalar. A esterilização NÃO vai alterar a personalidade do seu cão. A esterilização traz inúmeros benefícios para a saúde do seu animal.
Se não tem recursos económicos para esterilizar o seu animal por favor contacte a Associação Animais de Rua: geral@animaisderua.org.

7. Substitua coleiras antigas e deterioradas por coleiras de nylon novas.
Confirme se a coleira não está demasiado apertada. Deve conseguir colocar com facilidade dois dedos entre a coleira e o pescoço do cão. Se necessitar de fazer mais um furo na coleira, perfure-a martelando um prego grosso.

8. Forneça comida e água fresca ao seu animal todos os dias.
Pode colocar a taça da água no interior de um pneu ou num buraco no chão para evitar que se vire. Também pode prender um balde de água a uma casota de madeira ou a uma cerca. Estique fio, uma pequena corrente, um elástico ou uma corda através do balde e fixe-o de cada lado do mesmo.

9. Forneça abrigo adequado ao seu cão.
Os cães têm frio no Inverno exactamente como nós, especialmente os cães de pelo curto. Se estiver demasiado frio para você dormir lá fora, o seu cão também irá ter frio. Se não puder trazer o cão para dentro de casa num Inverno gelado, encha a casota dele com feno ou aparas de madeira para o ajudar a reter o calor (as aparas de madeira são preferíveis ao feno pois apodrecem com menos facilidade e não têm ácaros).

Para evitar correntes de ar dentro da casota, a porta de entrada deve ser coberta com uma banda de plástico. Pode usar uma cobertura de assento de automóvel, uma passadeira ou carpete plástica.

• As casotas devem ser suficientemente grandes para que o cão possa estar de pé e dar voltas confortavelmente, mas pequenas o suficiente para reter o calor do corpo do animal.

• As casotas de madeira devem ser colocadas a alguns centímetros do chão para prevenir o seu apodrecimento e a entrada de chuva. Pedaços lisos de cimento são uma forma fácil de elevar uma casota.

• Os cães gostam de ter mantas e cobertores para dormir, tal como nós. Lembre-se de os lavar regularmente (uma vez por semana, pelo menos.)

10. Dê ao seu cão brinquedos e ossos para roer.
Os cães necessitam do estímulo fornecido pelos brinquedos, tal como as crianças. Um grande osso irá manter o cão ocupado durante horas. Até uma toalha com um nó ou uma bola irão proporcionar horas de distracção ao seu animal nos períodos que passa sozinho.

11. Leve o seu cão a passear.
É absolutamente imprescindível para o seu cão sair regularmente do espaço habitual, ver coisas novas e cheirar novos aromas. Passear o seu cão é um óptimo exercício não só para ele, como também para si! Se o cão for muito forte ou grande pode usar uma coleira peitoral ou uma coleira estranguladora para facilitar o passeio. Mesmo que viva numa casa com jardim, é essencial que leve o seu cão a passear pelo menos uma vez por dia. Se viver num apartamento, o seu cão deverá passear no mínimo quatro vezes por dia.

12. Leve o seu cão à escola.
O treino de obediência pode resolver problemas de comportamento e ajudar o cão a aprender a ser um bom cão “de interior”. O treino deve utilizar sempre o reforço positivo, e nunca a violência.

13. Desparasite o seu cão externa e internamente todos os anos.
As picadas de pulga causam um enorme desconforto ao seu animal. Pode adquirir desparasitantes em lojas de animais, farmácias e clínicas veterinárias.

14. Forneça sombra ao seu animal no Verão.
Uma casota não é o mesmo do que uma sombra. Dentro da casota fica muito quente nos meses de Verão. Plante árvores para darem sombra. Também pode criar sombras com lonas, guarda-sóis ou placas de madeira.

15. Encha uma piscina insuflável ou de plástico rígido para os meses quentes de Verão.
A maioria dos cães gosta tanto como nós de se refrescar numa piscina. É uma maneira económica de tornar suportáveis para o seu cão os dias mais quentes do ano.

16. Considere encontrar um novo lar para o seu cão se não conseguir satisfazer as suas necessidades básicas.
Fale com associações de defesa animal, ponha um anúncio no jornal e na internet e contacte amigos e família. Se não conseguir dar qualidade de vida ao seu cão, a atitude mais generosa que pode ter por ele é encontrar-lhe um novo lar.
  
Visite-nos em:FacebookTwitterYouTube
15261
ANIMAIS ESTERILIZADOS
até 18 - 08 - 2017
AJUDAS URGENTES
Ajuda Urgente
ADOÇÕES URGENTES
Adoçao Urgente